O Canivete Films

Vamos falar sobre Titanic?

Como um filme pode ser tão amado e tão odiado? Vamos falar sobre Titanic? O 1º filme da história do cinema a ultrapassar a barreira do um bilhão de dólares arrecadados apenas nas bilheterias.
James Cameron tinha acabado de completar (O Exterminador do Futuro 2) quando teve a ideia para Titanic. A inspiração nasceu após assistir (Somente Deus por Testemunha)
de Roy Ward Baker, clássico de 1956 que também aborda o naufrágio do navio.
A 20th Century Fox precisou construir um estúdio novo (Fox Studios Baja) para comportar a equipe de filmagem de Titanic e a réplica do navio, que tinha quase a mesma escala do original e que não cabia em nenhuma outra propriedade da empresa. A companhia comprou 40 acres de terra no litoral sul do México, onde construiu um tanque com mais de 60 milhões de litros d’água.
O filme Titanic custou mais do que o navio em si. A construção do navio, que ocorreu entre 1910 e 1912, custou US$ 7,5 milhões, que corrigidos para valores de 1997 ficariam em torno de US$ 150 milhões. Por sua vez, a produção cinematográfica foi orçada em US$ 200 milhões, que na época foi considerada a obra a mais cara de todos os tempos.
Durante as filmagens, boa parte da equipe da produção ficou muito doente após comer uma sopa de frutos do mar que foi adulterada com fenilciclidina(pó de anjo). Muitos suspeitaram de que não se tratou apenas de uma pegadinha, mas sim de um ato de vingança contra a postura autoritária do cineasta. A polícia chegou a ser chamada para trabalhar no caso, mas a sabotagem nunca foi confirmada. Ao todo, mais de 80 pessoas foram infectadas, incluindo o diretor James Cameron e o ator Bill Paxton.
A cena em que o salão com a grande escadaria é tomado por muita água só pôde ser realizada uma única vez. Todos os cenários e a ambientação foram destruídos na sequência. Ao todo, mais de 300 mil litros de água foram utilizados na cena, o que foi suficiente para destruir a escadaria por completo, inclusive o suporte de metal.
O filme permaneceu na lista das 10 maiores bilheterias da semana, nos Estados Unidos, por quase seis meses.
Para manter em segredo a produção do filme, James Cameron usou o título falso “Planeta Gelo”.
Apesar de ter muitos fãs, o filme é considerado o mais odiado de todos os tempos. Em janeiro de 1999, foram encontrados mais de 12 mil sites anti-Titanic.